Mobilidade
Atualidades

Ir para o trabalho durante a pandemia: qual o melhor meio de transporte?

Compartilhe em:

trabalho pandemia

Para quem não adotou o home office e precisa se locomover até o trabalho, saiba quais são as recomendações de segurança

Diante da nova realidade imposta pela chegada do coronavírus ao Brasil, nossa rotina precisou ser alterada para se adaptar às mudanças. 

O uso de máscaras de proteção, a utilização de álcool em gel e até mesmo a adoção do isolamento social têm sido as principais recomendações. Isso é necessário para garantir a saúde, preservar a segurança e evitar que o vírus se espalhe. 

No entanto, muitas pessoas estão precisando retomar as atividades – que no início da pandemia foram suspensas. Uma das maiores preocupações é justamente a escolha da melhor forma de se deslocar até o trabalho, sem correr grandes riscos. 

E se você, assim como milhares de pessoas, também se preocupa com essa questão, acompanhe a seguir as principais dicas para fazer esse trajeto com mais segurança!

Os transportes públicos são seguros?

Muitas pesquisas voltadas para este setor apontam que os transportes públicos estão entre os lugares com maior risco de contaminação pela Covid-19. 

Isso porque, a aglomeração de pessoas – situação comum principalmente nos horários de pico – facilita o contágio. Como sabemos, trata-se de um vírus de fácil propagação, sendo espalhado pelas gotículas de saliva, toque pelas mãos contaminadas, espirro, tosse e afins. 

Neste sentido, fica difícil controlar a doença, uma vez que milhões de pessoas circulam diariamente entre os ônibus, metrôs e outras opções disponíveis nas cidades. 

Ainda que o uso de máscara seja obrigatório nestes espaços, não é possível controlar e garantir a segurança desse número elevado de passageiros. Por isso, é  recomendado que apenas aqueles que não tem outra opção utilizem o transporte público. 

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

Cuidados para quem precisa usar o transporte público

Pra quem realmente precisa utilizar os ônibus, metrôs e trens todo cuidado é pouco. As recomendações para se prevenir no transporte público nesses casos são as seguintes: 

  • Utilize sempre a máscara de proteção adequada;
  • Evite levar a mão ao rosto;
  • Toque no mínimo de objetos possível;
  • Tenha sempre à mãos um álcool em gel para higienizá-las;
  • Se for possível, evite os horários de pico.

Aplicativos de transporte

ir para trabalho durante pandemia

Os aplicativos de transporte são muito populares, principalmente nas grandes cidades onde o fluxo de passageiro é bem alto. 

Trata-se de uma alternativa segura para fugir do transporte público, mas não tão econômica assim. Dependendo da distância da sua casa para o trabalho, o valor pode ficar salgado demais para o seu bolso. 

Ainda assim, para quem mora a poucos quilômetros de distância do serviço, pode optar por usar vez ou outra esse tipo de serviço. 

Vale ressaltar que o ideal é fazer um planejamento financeiro para verificar se esse gasto está dentro do seu orçamento. 

As regras de segurança continuam valendo nestes casos: use sempre a máscara de proteção e tenha um álcool em gel para higienizar suas mãos periodicamente. 

E os carros particulares? 

Se você já tinha o costume de ir de carro para o trabalho, saiba que neste momento o melhor a se fazer é manter esse hábito. 

Isso porque no seu carro não há contato com desconhecidos, diminuindo assim a probabilidade de contaminação. 

No entanto, para manter a sua segurança, você também precisará seguir algumas recomendações para evitar o contágio pela Covid-19

  • Higienize as mãos com frequência;
  • Tenha sempre por perto um pano e álcool em gel para higienizar o volante e outros comandos que você toca com frequência;
  • Ande pelo menos com uma fresta do vidro aberta para que o ar possa circular;
  • Deixe no interior do veículo uma caixa de lenços para limpeza;
  • Retire o lixo diariamente.

Bicicletas e outros meios

Os meios de transporte alternativos têm sido uma excelente opção para se deslocar até o trabalho com segurança, minimizando os riscos de contaminação. 

A bicicleta ou até mesmo a boa e velha caminhada – munido dos equipamentos de proteção, é claro – ajudam a evitar as aglomerações, sem deixar de cumprir suas obrigações. 

Você pode aproveitar o momento para respirar um ar mais puro, além de estar realizando uma atividade física, o que para maioria das pessoas é um excelente benefício. 

Outra vantagem em optar por esse tipo de alternativa, está justamente na economia. Nas opções anteriores, você vai gastar com passagem, gasolina, manutenção, dentre outras despesas. 

Já neste caso, você poderá economizar inclusive no seu seguro auto. Isso porque, na modalidade de seguro auto pago por uso, você só paga aquilo que usar. 

O valor cobrado mensalmente, consiste em uma mensalidade simbólica – cobrada pela assinatura do seguro – mais um valor de poucos centavos por quilômetro rodado. Ou seja. quanto menos usar o carro, menos vai pagar no final do mês. 

Ainda não conhece o seguro pago por uso da Thinkseg? Entre em contato com a nossa equipe e descubra mais vantagens em optar pelo serviço mais completo e justo do mercado!

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

Escolha o modelo e a marca certa de pneu de bicicleta
As bicicletas, que já estavam em alta nos últimos cinco anos, explodiram na pandemia de Covid-19, que parou o...
Será que seguro de bike é caro?
Tudo começa com uma bicicleta de entrada, sem grandes expectativas, apenas para fazer uma atividade física. Em pouco tempo,...
Como mostrar as ciclovias no Google Maps?
Apesar de apenas 7% da população brasileira usá-la como meio de transporte, aos poucos a bicicleta vai ganhando mais...
Motos elétricas mais baratas do Brasil em 2022
Os carros eletrificados (híbridos + elétricos) vivem um boom no Brasil, com um crescimento de 78% nas vendas. Porém,...
O que são as ghost bikes?
Quem circula, principalmente pela cidade de São Paulo, já deve ter avistado alguma bicicleta inteiramente pintada de branco estacionada...
Quer agendar uma viagem? Conheça o Uber Reserve
Desde o fim de março, a Uber disponibiliza um novo serviço no Brasil, o Uber Reserve. Não se trata...