Auto

Direitos e deveres dos motoristas com os carros elétricos

Compartilhe em:

carregar carros elétricos

A frota de carros elétricos não para de crescer no Brasil. Os modelos 100% elétricos tiveram 3.395 emplacamentos no primeiro semestre deste ano, ou seja, 19% a mais do que a soma das vendas de todo o ano de 2021 (2.851). Junto com o crescimento fica a dúvida: as cidades têm infraestrutura para carregar carros elétricos?

A pergunta é pertinente, afinal a rede elétrica passou a contar, de uma hora para a outra, com uma demanda inédita. Entretanto, não há legislação sobre o assunto e suprir o proprietário com energia para carregar de seu carro elétrico não é um dever do Estado ou das companhias energéticas.

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

Rede suporta a recarga de elétricos

A boa notícia é que o consumo de energia ao carregar carros elétricos é baixo e concentrado nas madrugadas, quando há muito menos gente usando a rede. Um estudo da General Motors revela que para “abastecer” o Chevrolet Bolt, gasta-se a mesma energia que uma geladeira intermediária das mais eficientes consome por mês. 

Além disso, o estudo também ilustrou que para rodar 1,2 mil quilômetros mensais, 40 km por dia, o motorista vai gastar cerca de 170 kWh para carregar a bateria. Ou seja, a mesma quantidade para deixar um computador ligado durante o mês.

A pesquisa realizada pela GM também aponta que em 2035, o Brasil terá em torno de 5,5 milhões de carros elétricos em circulação e que este total será responsável por apenas 3% do consumo de energia do país.

Isenção de IPVA varia entre os estados

Ainda entre os direitos de proprietários de carros elétricos, alguns estados brasileiros oferecem isenção ou descontos no IPVA destes modelos. A renúncia fiscal, contudo, não é obrigatória e cada estado define sua política. Confira abaixo os estados que possuem isenção e/ou redução: 

  • Isenção total de IPVA para carros elétricos: Pernambuco; 
  • Isenção total de IPVA para carros elétricos e híbridos: Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Distrito Federal, Paraná e Rio Grande do Sul;
  • Isenção parcial de IPVA para carros elétricos e híbridos: Ceará, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Rio de Janeiro; 
  • Sem tributação diferenciada carros para elétricos e híbridos: Acre, Amazonas, Roraima, Amapá, Tocantins, Paraíba, Alagoas, Santa Catarina, Pará, Rondônia, Mato Grosso, Goiás, Bahia e Espírito Santo.

Carregar carros elétricos de graça?

Ainda é possível encontrar muitos pontos de recarga gratuita para carros elétricos, feitos em parceria com concessionárias de energia elétrica, shopping centers, fabricantes de veículos e de equipamentos elétricos.

Essa gratuidade acaba gerando situações inéditas, como desentendimentos entre usuários que querem carregar seu veículo. Muitas empresas com frotas de carros elétricos tomam conta dos pontos de recarga grátis.

Como o tempo de para carregar é longo (nos carregadores mais potentes demora-se até 30 minutos para 80% de carga), é preciso ter paciência. Aí entram os deveres dos usuários, como não abusar dos aparelhos gratuitos e manter tudo sempre em ordem.

Eletropostos já são realidade

Entretanto, com o aumento exponencial da frota, a tendência é que este tipo de cortesia acabe logo. Inclusive, muitos eletropostos já cobram a recarga dos clientes. Um deles é o da Shell, que opera desde junho de 2022 em São Paulo. O valor da recarga é de R$ 1,90 / kWh. Confira quanto custa uma recarga completa com alguns modelos vendidos no Brasil:

  • Renault Kwid E-Tech: R$ 51,37 para 265 km de autonomia;
  • Renault Zoe: R$ 98,80 para 385 km;
  • Volvo XC40 Recharge: R$ 142,50 para 420 km;
  • BMW iX xDrive50: R$ 199,50 para 630 km.

Carregar carros elétricos em casa

Quem não quer enfrentar filas para carregar carros elétricos gratuitamente e não tem tempo para esperar em eletropostos pode instalar um carregador rápido em casa, conhecidos como wallbox. Existem opções a partir de R$ 5 mil que prometem 100% de carga em oito horas. Se combinada com placas de energia solar, a instalação pode custar R$ 25 mil.

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

20 carros mais sustentáveis nos dias de hoje
Segundo dados do Relatório de Emissão Veiculares da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), os carros são...
Saiba como consultar pontuação da CNH
Entre as novas leis do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), em vigor desde o dia 12 de abril de...
Tabela Fipe: O que é e como influencia no preço do seguro?
Seja na hora de comprar ou vender seu carro, seja na hora de fazer o seguro, você já deve...
4 motivos para realizar a manutenção preventiva do seu carro!
Se você é daqueles que têm pavor de ficar parado na rua com o carro quebrado, preste atenção: fazer...
Álcool ou gasolina: como calcular o custo de viagem de carro?
Não parece, mas em 2023 vão se completar 20 anos do lançamento do primeiro carro bicombustível brasileiro. Até a...
5 vantagens dos veículos autônomos
Nos últimos 20 anos, o mundo viveu uma verdadeira revolução tecnológica. No começo dos anos 2000, a internet ainda...