Seguro
Auto

A cor do seu carro pode afetar o preço do seu seguro?

Compartilhe em:

cor do carro

Uma das partes mais legais de comprar um modelo zero quilômetro é poder escolher a cor do carro. Muito embora a preferência mundial seja pelos tons sóbrios – como branco, prata, cinza e preto -, algumas marcas incluem na paleta cores mais vivas. Especialmente as de esportivos. Impossível não associar uma Ferrari às tonalidades vibrantes, por exemplo.

Essa escolha da cor do carro tem grande importância na hora da revenda. Pode ter certeza que vai ser bem mais difícil encontrar um novo dono para um Mercedes-Benz vermelho do que para um preto. Assim como o comprador de uma Lamborghini vai preferir a amarela do que a prata. Sendo assim, uma cor diferente para determinado segmento pode significar uma desvalorização maior.

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

E na hora de fazer o seguro?

É comprovado que carros com cores vivas como o vermelho, amarelo, laranja, azul piscina e verde abacate são mais visíveis para os outros motoristas. Consequentemente, são mais seguras. Mas será que a cor do carro tem influência na precificação do seguro?

A resposta, pelo menos no Brasil, é não. Por aqui, as companhias não levam em conta a cor do carro na hora de definir o valor do prêmio. Apenas outros fatores são considerados, tais como:

  • Faixa etária;
  • Tipo de uso;
  • Região de residência do motorista;
  • Idade do veículo;
  • Valor do modelo na tabela Fipe;
  • Quantidade de quilômetros rodados por dia;
  • Gênero do condutor.

Carros coloridos pagam menos em outros países

Entretanto, em outros países, a cor do carro tem, sim, importância na hora de definir o valor do seguro. Em países da Escandinávia, por exemplo, as cores vivas podem significar custo menor da apólice. A explicação está no clima durante o inverno, com muita neve e dias com pouquíssimo sol. Nestas circunstâncias, andar de carro vermelho vai ser mais seguro do que com um modelo branco ou preto.

Apesar de a Austrália ter um clima quente e ensolarado parecido com o do Brasil, as companhias seguradoras também levam a cor do carro em consideração. Veículos com tonalidades chamativas levam vantagem no preço em comparação aos modelos com cores mais sóbrias.

De acordo com uma pesquisa feita pela Universidade de Monash, na Austrália, os modelos de automóveis pretos têm até 47% mais chances de estarem envolvidos em acidentes. Assim como os automóveis de tons cinza e azul escuro.

O estudo tomou por base os dados das polícias de dois estados australianos. Ele avaliou mais de 850 mil acidentes e cerca de 17 cores diferentes para obter informações sobre os carros mais seguros, os mais perigosos, os horários de maior incidência de acidentes, entre outros fatores.

O que a cor do carro diz sobre o dono?

A cor escolhida para o carro diz muito sobre a personalidade do dono, da mesma forma que a cor favorita ou a escolha do vestuário. É o que aponta um estudo encomendado pelo site de leasing automotivo britânico Flexed.co.uk. Foram ouvidos 1550 proprietários, que haviam acabado de comprar seus carros. Veja o que a pesquisa encontrou:

Preto

Perigoso, rebelde. Carros pretos são muito mais propensos a se envolver em um acidente e um incidente de raiva na estrada. No entanto, o preto também é usado para denotar potência, razão pela qual é uma escolha popular em carros executivos.

Branco

Moderno e de bom gosto. O branco é a cor mais popular para carros novos, pois mostra o desejo do motorista de ter os produtos mais recentes. Os produtos da Apple refletem o mesmo desejo. Cor mais provável para um carro familiar.

Vermelho

Motoristas extrovertidos escolhem um carro vermelho. Eles também são mais propensos a dirigir mais rápido pensando que a cor os torna mais visíveis, dando-lhes uma falsa sensação de segurança. É provável que fique com raiva ao volante.

Azul

Feliz e confiante. Os motoristas de carros azuis são mais propensos a dar a preferência a outros motoristas em um cruzamento.

Prata

Mais seguro, mais maduro. Prata é o carro menos propenso a se envolver em um acidente de carro e tem motoristas que dirigem de forma econômica.

Marrom

Maçante, introvertido, não quer se destacar da multidão. Maior probabilidade de ser vítima de um acidente.

Verde

Fora de moda, não se importe com o que as pessoas pensam. As pessoas pararam de comprar carros verdes para mostrar suas credenciais verdes. Agora é visto como uma cor de rebelião. Os motoristas verdes são menos propensos a deixá-lo sair em um cruzamento.

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

20 carros mais sustentáveis nos dias de hoje
Segundo dados do Relatório de Emissão Veiculares da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), os carros são...
Saiba como consultar pontuação da CNH
Entre as novas leis do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), em vigor desde o dia 12 de abril de...
Tabela Fipe: O que é e como influencia no preço do seguro?
Seja na hora de comprar ou vender seu carro, seja na hora de fazer o seguro, você já deve...
4 motivos para realizar a manutenção preventiva do seu carro!
Se você é daqueles que têm pavor de ficar parado na rua com o carro quebrado, preste atenção: fazer...
Álcool ou gasolina: como calcular o custo de viagem de carro?
Não parece, mas em 2023 vão se completar 20 anos do lançamento do primeiro carro bicombustível brasileiro. Até a...
5 vantagens dos veículos autônomos
Nos últimos 20 anos, o mundo viveu uma verdadeira revolução tecnológica. No começo dos anos 2000, a internet ainda...