Thinkseg
Sustentabilidade
Mobilidade

Conheça as 6 cidades com melhor transporte público no Brasil

Compartilhe em:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
cidades com melhor transporte público

Apesar do trânsito caótico, São Paulo é a cidade com a melhor mobilidade urbana do país. É o que aponta a edição 2021 do ranking Connected Smart Cities, da consultoria Urban Systems. Além da capital paulista, saíram-se bem cidades como Balneário Camboriú e Florianópolis, ambas em Santa Catarina, Rio de Janeiro (RJ) e Barueri (SP).

A pontuação para as cidades com melhor transporte público leva em consideração oito critérios: 

  1. Proporção entre ônibus e automóveis;
  2. Idade média da frota dos meios de transporte públicos;
  3. Quantidade de ônibus por habitante;
  4. Variedade dos meios de transporte;
  5. Extensão de ciclovias;
  6. Rampas para cadeirantes (acessibilidade);
  7. Número de voos semanais (conectividade com outras cidades);
  8. Transporte rodoviário.

1º Lugar – São Paulo – 4,994 pontos

Como já falamos, São Paulo foi considerada a primeira entre as cidades com melhor transporte público. 

Entre os destaques de São Paulo apontados pelo levantamento estão:

  • Boa integração entre meios de transporte;
  • Mais de 600 quilômetros de extensão de ciclovias (que privilegiam o transporte não-poluente);
  • Ampla rede de metrô e trem;
  • Maior cobertura dos serviços de transporte compartilhado (aplicativos como Uber e 99, por exemplo);
  • Além das três rodoviárias e três aeroportos em um raio de 100 quilômetros.

2º Lugar – Balneário Camboriú – 4,685 pontos

Com aproximadamente 150 mil habitantes, Balneário Camboriú é um destino disputado nas altas temporadas, chegando a atingir picos entre 500 mil e 1 milhão de pessoas. Essa capacidade de absorver uma grande população flutuante traz benefícios no restante do ano. Além disso, faz com que ela se destaque entre as cidades com melhor transporte público e mobilidade urbana

3º Lugar – Florianópolis – 4,593 pontos

Em 2017, Florianópolis foi considerada a pior capital brasileira em mobilidade em pesquisas da Universidade de Brasília (UNB) e do aplicativo de navegação Waze. O incômodo título acabou servindo de empurrão. Com isso, veio a implementação de mudanças que surtiram efeito rapidamente, como a reabertura da Ponte Hercílio Luz para pedestres e ônibus e a criação de mais 80 quilômetros de ciclovias. Com seus 520 mil habitantes, Florianópolis evoluiu entre as cidades com melhor transporte público.

4º Lugar – Rio de Janeiro – 4,451 pontos 

O grande destaque do Rio de Janeiro é a grande quantidade de modais disponíveis: ônibus, metrô, trem, barca, VLT (Veículo Leve sobre Trilhos), BRT, vans, ciclovias, sem contar a ampla rede de táxis e aplicativos de transporte. Ainda que falte uma boa integração entre eles e uma maior extensão ao subúrbio e às cidades da Baixada Fluminense, a capital fluminense está entre as cidades com o melhor transporte público do Brasil.

5º Lugar – Barueri – 4,304 pontos

A cidade da região metropolitana de São Paulo tem 240 mil habitantes e se destaca por ter vários condomínios de alto padrão, além de grande atividade comercial e industrial. Esse perfil permite que a cidade tenha razoáveis investimentos em transporte público e mobilidade. São quatro terminais de ônibus com integração com ônibus-ônibus e ônibus-trem, este último operado pela CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos).

6º Lugar – Itajaí – 4,293 pontos

O Porto de Itajaí é responsável pela maior parte das exportações da Região Sul do Brasil e segundo colocado no ranking nacional de movimentação de contêineres. Fica atrás somente do Porto de Santos. Itajaí é considerada referência nacional em infraestrutura voltada à instalação de empresas. Como em Barueri, essa intensa atividade permite à cidade catarinense ter bons sistema viário e transporte público. Possui sistema integrado de transporte municipal, com três terminais.

Como é feito o ranking?

O Ranking Connected Smart Cities é composto por 75 indicadores em 11 eixos temáticos: 

  • Mobilidade;
  • Urbanismo;
  • Meio Ambiente;
  • Tecnologia e Inovação;
  • Empreendedorismo;
  • Educação;
  • Saúde;
  • Segurança;
  • Energia;
  • Governança;
  • Economia.

A edição 2021 do Ranking Connected Smart Cities coletou dados e informações de todos os municípios brasileiros com mais de 50 mil habitantes (segundo estimativa populacional do IBGE em 2019). Foram 677 cidades, sendo: 48 com mais de 500 mil habitantes, 274 com 100 a 500 mil habitantes e 349 com 50 a 100 mil habitantes.

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

Dez documentários sobre sustentabilidade para você refletir
Não é de hoje que nossos hábitos têm impactado o meio ambiente e prejudicado o planeta. Apesar de todos...
O que são créditos de carbono e como funcionam?
A preocupação com o meio ambiente não é de hoje. Foi no fim da década de 1960 que a...
Benefício Gasolina: quem tem direito?
O Senado Federal aprovou em março de 2022 o PL 1472/2021, projeto de lei que cria regras para estabilização...
Descarregou? Saiba como carregar seu cartão de transporte pelo celular
Você é usuário do transporte público e seu cartão do Bilhete Único descarregou? Então saiba que é possível carregá-lo...
Ônibus elétrico: conheça mais sobre esse tipo de transporte
Quem já andou pelas ruas de São Paulo alguma vez topou com um trólebus. O antigo coletivo, ainda em...
Como Londres está usando taxas em estradas para combater a poluição e a desigualdade
Berço da Revolução Industrial, a cidade de Londres sempre sofreu com a poluição. Nas últimas décadas, contudo, as emissões...