Atualidades

Como andar com seu pet pela cidade

Compartilhe em:

Passear com pet no carro

Descubra como andar com seu bichinho de estimação pela cidade de forma segura e usando vários meios de transporte diferentes

Você costuma levar seu bichinho para passear pela cidade? Seja com o pet no carro, na bike, no transporte público ou mesmo andando, o passeio com seu animalzinho é bom para deixá-lo menos estressado e queimar as energias.

Assim, é importante saber as melhores dicas para carregar o bichinho sem nenhum problema, seja para ele ou para outras pessoas. Afinal, você não vai querer colocar a segurança de todos em risco, certo?

Então, confira nossas dicas para andar com pet no carro, bicicleta ou qualquer outro meio de transporte de sua preferência!

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

Pet na bike

Passear com o pet na bicicleta pode ser uma boa alternativa para fazer exercício e, de quebra, levar o bichinho pra passear e ver a cidade grande. Para o animalzinho, é uma oportunidade de socializar com outros animais e pessoas, dependendo do seu destino.

Assim, é importante saber que é possível carregar o pet na bicicleta de duas formas:

  • Na cestinha: animais pequenos podem andar na cestinha da bicicleta, o que é vantajoso para você observar seu comportamento durante o passeio e, assim, evitar qualquer problema;
  • No reboque: o reboque é um acessório dedicado para a tarefa de carregar pets com segurança. Parecido com um trailer, pode ser uma opção viável para animais maiores.

Independente da escolha, é importante seguir três dicas para que o passeio fique ainda mais seguro:

  1. Evite andar em horários onde a luz solar está muito forte;
  2. Evite altas velocidades durante o passeio, mesmo que não haja ninguém próximo da bicicleta;
  3. Garanta que a cestinha ou reboque fiquem bem presos para o animalzinho não se soltar durante o percurso.

Leia também: Quais os melhores lugares para andar de bicicleta em São Paulo?

Pet no transporte público

O transporte público, em muitos casos, pode ser necessário para chegar até um destino de seu interesse. Assim, se a lei permitir – dependendo de onde você reside –, é preciso seguir as boas práticas para levar o bichinho e manter todos em segurança.

No caso de São Paulo, por exemplo, uma lei de janeiro de 2019 passou a permitir o transporte de animais – até 10 kg – no metrô, trem e VLT. No entanto, os pets precisam estar em caixas de transporte para evitar qualquer situação de perigo aos outros usuários.

Nos ônibus, a lei já permitia esse transporte desde 2005. Assim, donos de animais de pequeno porte podem utilizar novas formas de andar pela cidade com seu bichinho de estimação. 

A principal dica é: consulte as leis antes de tomar qualquer decisão.

Passear com o cachorro

Pet andando

Se você prefere um divertido passeio a pé, para que você e o pet queimem energias durante uma caminhada tranquila, também é importante seguir recomendações antes de, simplesmente, sair andando por aí.

Antes de tudo, planeje o passeio, escolhendo horários em que a luz solar é mais fraca – até às 10h da manhã e depois das 17h. Prepare também o seu “kit” de passeio para tudo ficar bem. Confira os itens:

  • Água: mesmo nos dias mais frios, o pet poderá cansar de fazer aquela bela caminhada. Portanto, é sempre importante levar água para hidratá-lo;
  • Petiscos: se o passeio for muito longo, também leve alguns petiscos para não deixar o pet com fome e sem energias;
  • Sacolinha: outro acessório obrigatório para um passeio a pé com o pet é a sacolinha, item indispensável para pegar os “presentinhos” que ele deixar no caminho. Ah, e depois de pegar o cocô do animal, descarte a embalagem em local adequado.

Além disso, outra dica importante é que, ao passear com um animal, o pet sempre deve estar com a guia colocada, para que a segurança de outros animais e pessoas esteja garantida – mesmo que ele seja adestrado ou de pequeno porte.

Pet no carro

A última categoria de dicas é pra quem gosta de passear com o pet no carro, seja para passeios pela cidade ou viagens mais longas. 

Nessa atividade, mesmo os animais de porte maior podem aproveitar o espaço do veículo para passear de forma tranquila e segura, desde que algumas recomendações sejam seguidas.

Para a máxima segurança possível, a caixa de transporte – para cães e gatos – é o item ideal. Além de manter o animal sob controle, elas são presas no banco com o cinto de segurança e permitem que o passeio ocorra sem problemas.

Mas, para os cachorros de pequeno porte, existe a possibilidade de utilizar cadeirinhas, que são cestos presos ao banco, onde o pet fica dentro em total segurança. Além disso, a guia fica presa em local adequado para que ele não sofra com o movimento do veículo.

Para carros maiores que desejam transportar cães de grande porte, é recomendada a utilização de grades de segurança próprias para esses veículos. Assim, o pet não poderá interagir com o motorista e colocar a direção sob risco.

Agora que você já sabe como transportar o seu pet pela cidade, aproveite para conhecer nosso seguro auto com cobertura completa. Assim, você pode levar o seu pet no carro sem preocupação!

Gostou das nossas dicas? Então, faça seu planejamento de passeio, escolha sua modalidade predileta e leve seu pet para dar uma voltinha com total segurança. Até a próxima!

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

Quer agendar uma viagem? Conheça o Uber Reserve
Desde o fim de março, a Uber disponibiliza um novo serviço no Brasil, o Uber Reserve. Não se trata...
Piloto automático e limitador de velocidade: qual a diferença entre ambos?
Muita gente confunde o piloto automático dos carros com o limitador de velocidade. Ambos são ativados pelo motorista, interferem...
VA-X4: um cruzamento de avião e helicóptero anunciado pela Gol para 2025
A Gol Linhas Aéreas anunciou que pretende começar a voar no Brasil a partir de meados de 2025 com...
Benefício Gasolina: quem tem direito?
O Senado Federal aprovou em março de 2022 o PL 1472/2021, projeto de lei que cria regras para estabilização...
Carros autônomos: o que são, como funcionam e mais!
A indústria automobilística já deu um passo à frente com o desenvolvimento dos carros elétricos, cujas vendas estão crescendo...
Mito ou verdade: kit promete carro movido a água
É sempre assim:basta uma série de elevações nos preços dos combustíveis para pipocarem engenhocas milagrosas que prometem reduzir o...