Thinkseg
Atualidades

Os 5 melhores parques de São Paulo, para quem gosta de curtir este passeio

Compartilhe em:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Parque do Ibirapuera em São Paulo

Confira agora onde estão localizados esses verdadeiros paraísos naturais e culturais e aproveite para criar um roteiro de visitas e atividades

Também chamada de Selva de Pedra, a cidade de São Paulo abriga construções arquitetônicas imponentes. São tantos edifícios comerciais e residenciais que a gente tende a achar que a natureza deu lugar ao concreto.

No entanto, se pararmos para observar a cidade a partir de outro ângulo, não vai ser difícil perceber que existem áreas verdes incríveis espalhadas pelos bairros. Para favorecer esse encontro entre você e a natureza, compartilharemos algumas informações a respeito dos melhores parques de São Paulo.

1. Parque do Ibirapuera

Apelidado carinhosamente de Ibira, esse parque é um dos mais famosos de São Paulo. Não é a toa que ele atrai não só os moradores da cidade, mas turistas de outras regiões do Brasil e do mundo inteiro.

Seu lugar de destaque não é em vão. Ele possui tantas atrações que um único dia pode não ser suficiente para conhecê-las. Sua área conta com áreas de lazer para crianças e adultos.

Os praticantes de esportes podem aproveitar a praça de jogos com algumas quadras, bosques, pista de corrida, ciclovia e, claro, uma ampla extensão de gramado para relaxar depois dos exercícios. 

Quem gosta de patins e skate também pode se apropriar de uma área destinada à prática desses esportes. Normalmente, a galera que se aventura sobre rodinhas se concentra embaixo da marquise.

Um dos cartões postais do Ibirapuera é o famoso lago e sua fonte multimídia. Esse lugar é parada obrigatória para apreciar o espetáculo das águas e tirar fotos. Outros ambientes de destaque são o Jardim das Esculturas, o Pavilhão Japonês e o Jardim Japonês.

A infraestrutura destinada às atividades culturais é um espetáculo à parte. O parque possui espaço para shows e eventos e uma área que abriga a Fundação Bienal. Além disso, em suas dependências estão presentes o MAM (Museu de Arte Moderna), Museu Afro Brasil e Oca Ibirapuera, projetada por Oscar Niemeyer.

Endereço

O parque pode ser acessado pela Av. Pedro Álvares Cabral, onde está localizado o Portão 3.

Como chegar

Apesar de não contar com uma estação de metrô próxima, isso não é um problema. Diversas linhas de ônibus passam em frente ao parque e as rotas são realizadas a partir de vários pontos da cidade.

Além disso, você pode contar com a mobilidade elétrica e ir até o parque de patinete ou bicicleta elétrica. Assim você se exercita e já aproveita o passeio!

Horário de funcionamento

O Ibirapuera fica aberto diariamente, das 5h à 0h.

2. Parque Villa-Lobos

Localizado na região de Pinheiros, o Villa Lobos é um dos melhores parques de São Paulo que possui uma história muito interessante que envolve sustentabilidade. Seu terreno era utilizado como depósito de lixo. Em 1989, o local ganhou uma cara nova e foi aterrado.

A partir de então, árvores e outros tipos de vegetação passaram a modificar a paisagem do local. Hoje, o parque conta com, aproximadamente, 700 mil metros quadrados. 

Sua excelente infraestrutura é justificada pela presença de quadras poliesportivas, pista de corrida, orquidário e gramados.  Ele também conta com playgrounds para as crianças e uma área cercada específica para receber pets. 

Um dos pontos de atração do Parque Villa Lobos é sua imponente biblioteca. Nesse espaço, existe um acervo rico de obras nacionais e internacionais, área para jogos, computadores e espaço de leitura para deficientes físicos.

Aliás, quando o assunto é inclusão, o acervo da biblioteca não deixa a desejar. São vários títulos em Braille e com recursos de acessibilidade para diferentes níveis de deficiência visual.

A programação cultural do Villa Lobos conta com shows, eventos de várias naturezas, teatro, contação história, entre outros.

Endereço

Av. Professor Fonseca Rodrigues, 2001 – Alto dos Pinheiros.

Como chegar

O Parque pode ser acessado a partir da estação de trem Villa Lobos – Jaguaré. Além disso, diversas linhas de ônibus passam em frente ao parque e fazem rotas a partir de vários pontos da cidade.

Horário de funcionamento

Aberto diariamente das 5h30 às 19h e, no horário de verão, o funcionamento é até às 20h.

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

3. Parque da Água Branca

Localizado na zona oeste de São Paulo, o Parque da Água Branca possui, aproximadamente, 137 mil m² e 79 mil m² de área verde. Do lado de fora do parque, é possível avistar a pista de equitação, um dos pontos de destaque do local.

Suas principais atrações são a Casa do Caboclo, espaço destinado à leitura, o Aquário e o Museu Geológico. Ele também conta com uma feira de orgânicos onde são comercializados produtos de alta qualidade. 

Para as crianças, existem diversas atividades. Além do parque de diversões, tem um trenzinho que percorre pelo parque, área dedicada à leitura, brinquedoteca, playground e o aquário.

O parque abriga uma grande quantidade de patos, galinhas, galos, tartarugas e pavões. Para complementar o contato com a natureza, ele também possui um lago com carpas. 

Endereço

Av. Francisco Matarazzo, 455 – Água Branca.

Como chegar

O acesso ao Parque da Água Branca é muito tranquilo e pode ser feito a partir da estação de metrô e trem Barra Funda. Além disso, diversas linhas de ônibus passam em frente a ele.

Horário de funcionamento

Aberto diariamente, das 6h às 22h.

Parques de São Paulo

Veja também: Os desafios da mobilidade urbana nas grandes cidades

4. Parque Trianon

Inaugurado em 1892, o Parque Trianon está localizado em meio aos famosos arranha-céus que marcam forte presença na Avenida Paulista. Ele é muito frequentado por quem trabalha na região de deseja ter um momento de descanso para liberar a tensão adquirida com a correria do dia a dia. 

Ele contém áreas de descanso, bancos e vegetação remanescente da Mata Atlântica. Assim que você entrar nas dependências do parque, deixa de escutar o barulho frenético dos carros que circulam diariamente pela Avenida Paulista.

É um dos melhores parques de São Paulo para quem deseja diminuir o ritmo, curtir o silêncio e desfrutar de momentos de meditação e calmaria que são revigorantes para qualquer pessoa.

Endereço

Avenida Paulista, 1500.

Como chegar

O Parque Trianon está localizado em frente à estação de metrô Trianon- Masp. 

Horário de funcionamento

Você pode desfrutar da calmaria do parque diariamente, das 6h às 18h.

5. Horto Floresta

O Horto Florestal está localizado na zona norte de São Paulo e é um dos poucos parques urbanos que possuem área preservada da Mata Atlântica. Se você gosta de ter um contato mais intimista com a natureza, esse lugar é ideal.

Ele abriga bicas d’água, três lagos e ampla área de lazer. O Pau Brasil, Ipê Amarelo e uma extensa lista de espécies raras de árvores e plantas são responsáveis por deixar o espaço ainda mais bonito. 

Animais silvestres, como capivaras, esquilos e macaco-prego fazem morada no Horto Florestal. Muitas espécies de aves, como maritacas, tucanos, mergulhão, pica-pau, e garça também escolheram a região para fazer dela seu lar. 

Para os praticantes de atividades físicas, existem percursos para corrida, caminhada e trilhas. Além disso, o parque conta com áreas para piquenique, parques infantis, ciclovia, campo de futebol, quadra de areia, quadra poliesportiva e aparelhos de ginástica. 

Aproveite o passeio para visitar o Museu Florestal Octávio Vecchi, Antigo Palácio de Verão do Governo do Estado. 

Endereço

Rua do Horto, 931.

Como chegar

Para chegar até o Horto Florestal, basta se dirigir até a estação de metrô Tucuruvi e pegar o ônibus da linha 2020-10 – Horto Florestal – Metrô Tucuruvi.

Horário de funcionamento

O parque fica aberto todos os dias, das 6h às 18h.

Lugares de refúgio, lazer e cultura: os melhores parques de São Paulo

Você já percebeu que os melhores parques de São Paulo contam com uma infraestrutura que abrange ambientes para todos os gostos, perfis e estilos de pessoas, não é?

Você pode aproveitar o seu seguro auto Pay Per Use, que te incentiva a reduzir o uso do carro para economizar e visitar os parques com transporte público ou outros meios alternativos. Que tal?

Aproveite para se apropriar desses espaços democráticos e passear, meditar, fazer piquenique, ter contato com a cultura e praticar exercícios físicos de várias modalidades.

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

Carros autônomos: o que são, como funcionam e mais!
A indústria automobilística já deu um passo à frente com o desenvolvimento dos carros elétricos, cujas vendas estão crescendo...
Mito ou verdade: kit promete carro movido a água
É sempre assim:basta uma série de elevações nos preços dos combustíveis para pipocarem engenhocas milagrosas que prometem reduzir o...
Saiba como funciona o seguro para carro elétrico
Depois de bater recordes no último ano, a venda de carros eletrificados segue em alta em 2022. Houve uma...
Projeto de lei quer dispensar autorização do Detran para a customização de carros
Quase todo entusiasta de automóveis gosta de deixar o carro com “a sua cara”. A customização e personalização é...
Apple prevê lançamento de carro 100% autônomo para 2025
Aqueles que não são fãs de dirigir e acham uma perda de tempo passar horas se deslocando pelo trânsito...
Nova cobrança de pedágio: saiba como irá funcionar
A lei pretende acabar com as filas em praças de pedágio e tornar as tarifas mais justas É fato...