Thinkseg
Auto

O que é o recall de carro?

Compartilhe em:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
recall de carro

Entenda o que é o recall de carro e veja o que fazer quando receber esse tipo de notificação!

Quando um fabricante automotivo faz um recall de carro, os proprietários daquele veículo específico podem se sentir um pouco desconfortáveis ​​com a notícia. 

Embora sua inquietação seja certamente justificada (uma vez que esses alertas são frequentemente emitidos devido a um defeito relacionado à segurança), isso não significa que o veículo seja completamente inseguro para dirigir. 

Significa simplesmente que o fabricante encontrou problemas específicos no veículo. Assim, decidiu consertar todos os carros que estão apresentando esses desvios. 

Quando isso ocorrer, as montadoras notificarão os proprietários dos veículos sobre o problema e os convidarão para o reparo. As recuperações não significam que todo o veículo precisará ser substituído, apenas a área afetada responsável pelo erro. 

Aqui está tudo o que você deve saber sobre recalls de veículos:

Quando acontece um recall de carro?

Os recalls são mais frequentemente emitidos quando um automóvel ou equipamento do veículo (incluindo pneus) não está em conformidade com os padrões estabelecidos. Ou então um defeito relacionado à segurança é descoberto no veículo. 

Os padrões mínimos de desempenho são definidos para peças do veículo que afetam a segurança durante a operação, como: 

  • Freios
  • Pneus
  • Faróis
  • Airbags
  • Colunas de direção
  • Cintos de segurança
  • Assentos de carro
  • Capacetes para motociclistas

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

O que é um recall de carro?

o que é recall de carro

Esses tipos de eventos são frequentemente classificados como “relacionados à segurança” ou “não relacionados à segurança”. 

Defeitos relacionados à segurança são definidos como um problema que faz parte de um veículo motorizado ou de seu equipamento que representa um risco para a segurança do veículo. Pode se aplicar a um grupo de veículos com projeto, fabricante ou equipamento semelhante. 

Defeitos relacionados à segurança incluem erros como:

  • Falha dos componentes da direção, resultando na perda parcial ou total de controle do veículo;
  • Conjuntos de limpador de para-brisa inoperantes, reduzindo ou obstruindo a visão do motorista;
  • Pedal do acelerador furando ou quebrando;
  • Assentos ou encostos falhando durante o uso;
  • A quebra dos ventiladores de resfriamento do motor representa perigo para os componentes mecânicos;
  • Problemas no sistema de fiação que causam incêndio ou perda de iluminação;
  • Air-bag desnecessário;
  • Rodas defeituosas que quebram ou racham causando perda de controle;
  • Falha de componentes vitais do veículo que quebram, se separam ou que podem causar perda de controle ou ferimentos em passageiros ou outros.

Os recalls não relacionados à segurança são defeitos relacionados aos componentes do veículo, incluindo:

  • Ingestão excessiva de óleo;
  • Rádios e componentes de ar condicionado disfuncionais;
  • Desgaste frequente de equipamentos, como choques, baterias, sistemas de exaustão e mecanismos de freio;
  • Ferrugem do painel da carroceria, tinta de baixa qualidade ou outras manchas.

Como você fica sabendo sobre um recall?

O aviso de recall pode acontecer de diversas formas:

  • Sistema de Notificação Eletrônica – SNE: o proprietário que aderiu ao aplicativo SNE poderá receber as notificações na central de avisos desta solução;
  • E-mail através do Portal GOV.BR: o proprietário que aderiu ao Portal de Serviços do Denatran poderá receber as notificações no e-mail cadastrado no Gov.Br;
  • Carteira Digital de Trânsito – CDT: o proprietário que aderiu à CDT poderá receber as notificações na central de mensagens do aplicativo;
  • E-carta (simples, registrada e AR digitalizado): os proprietários de veículos poderão receber correspondência oficial do Governo sobre o aviso de recall.

Além disso, os chamamentos também são realizados por meio de avisos na TV e no rádio.

Ainda posso dirigir meu carro antes de o conserto de recall acontecer?

Isso depende de cada caso. O próprio aviso dirá se é seguro dirigir ou não.

Em alguns casos raros, como o recall de certos veículos BMW e Ford com airbags Takata defeituosos, um fabricante de automóveis emitirá o que é conhecido como um aviso de “não dirija”. Se você foi avisado para não dirigir seu carro, não desafie o destino – há um problema especialmente sério com o veículo que pode colocar sua vida em perigo.

Se não houver esse aviso, você ainda pode dirigir, se necessário, mas deve consertar seu carro o mais rápido possível. Seu carro deve ser seguro o suficiente para que você possa dirigir até a concessionária para fazer reparos ou usá-lo para outros fins essenciais, diz ele.

O que você deve saber se você receber um aviso?

Sua carta de recall de carro incluirá uma descrição do defeito, quaisquer riscos ou perigos possíveis devido ao problema. 

Possíveis ferimentos, sinais de alerta, como o fabricante do veículo planeja resolver o problema, quando o reparo estará disponível, bem como uma estimativa sobre quanto tempo levará para concluir o reparo e suas próximas etapas também fazem parte das especificações.

Você pode se o seu veículo está na lista de recall, inserindo o ano, marca e modelo.

Se o seu carro estiver na lista, todos os reparos devem ser realizados sem custo. No entanto, você deve levar seu veículo a uma concessionária autorizada, pois eles estão diretamente relacionados com o fabricante do veículo.  

Além disso, ao comprar um veículo usado, é importante verificar se há recalls antes de sua compra. Isso pode ajudá-lo a determinar se o veículo foi devolvido e se o erro foi reparado. 

Depois da compra, entre em contato com o fabricante do veículo para registrar o carro para possíveis avisos futuros. 

Devo ficar preocupado com meu carro porque ele teve um recall?

De modo geral, não. Um recall de carro oportuno e abrangente que corrige um problema é evidência de que as montadoras e reguladores estão levando a segurança a sério.

Essas situações podem ser inconvenientes, mas na verdade são uma coisa boa. Embora possam variar em termos de gravidade, um recall significa que um fabricante irá consertar ou tomar medidas corretivas para resolver um problema de segurança, e é por isso que eles devem ser levados a sério.

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

Porsche ou BMW? Conheça empresas que oferecem planos de aluguéis de carros de luxo por uma hora ou meses
Você é louco por marcas de carros famosas, porém não tem condições de estacionar um modelo de luxo, um...
O que é e como funciona o cartão de combustível
Quem tem ou administra frotas de veículos, sejam elas pequenas, médias ou grandes, já deve ter ouvido falar no...
Rodas grandes: desempenho ou só estética?
Não dá para negar que um belo jogo de rodas faz toda a diferença no carro. Prova disso é...
A cor do seu carro pode afetar o preço do seu seguro?
Uma das partes mais legais de comprar um modelo zero quilômetro é poder escolher a cor do carro. Muito...
12 que você não pode deixar de ter dentro do carro
Foi-se o tempo em que se levava apenas luvas no porta-luvas. Não que elas não sejam importantes (já experimentou...
Os cinco melhores carros bons e baratos para jovens
Pode parecer que não, mas o público jovem está entre os mais exigentes quando o assunto é escolher carro....