Inovação: modelo de carros por assinatura e seguro pago por uso

Conheça dois tipos de serviço inovadores, destinados para quem busca soluções práticas, tecnológicas e econômicas — carro por assinatura e o seguro auto Pay Per Use

Você não abre mão de ficar por dentro das novidades do setor automotivo? Então, vem cá que neste post serão abordadas duas delas: carro por assinatura e o seguro auto Pay Per Use. 

Já imaginou rodar de carro zero por aí sem precisar encarar um financiamento? O mercado dos carros por assinatura tem ganhado cada vez mais espaço e milhares de pessoas têm apostado nesse serviço, apelidado de “a Netflix de carros”, em todo o Brasil. 

Então, se você está curioso(a) para saber como funciona esse tipo de serviço, quais as vantagens e, de quebra, entender o que é um seguro de carro Pay Per Use, continue lendo até o final.

Para quem é o serviço de carro por assinatura?

Se você nasceu nos anos 90 ou pouco tempo antes disso, certamente cresceu escutando de seus pais e avós o quanto é importante comprar o primeiro carro. 

Mas acontece que as coisas têm mudado muito. Com as diversas opções de mobilidade disponíveis, nem todo mundo acha que essa aquisição oferece um bom custo-benefício.

De acordo com uma pesquisa divulgada pelo Hypeness, 62% dos millennials, pessoas nascidas no início da década de 1980 até, aproximadamente, o final do século, não pensam em comprar um carro.

E é para atingir esse público, que deseja, é claro, os benefícios de se ter um carro, sem, necessariamente, comprar um, que a indústria tem apostado na criação de serviços de mobilidade. Como é o caso do carro por assinatura.

Como funciona o serviço de carro por assinatura

Funciona de maneira bem parecida como a assinatura de TV a cabo. Ou seja, a pessoa que deseja contratar esse serviço precisa escolher, primeiro, por quanto tempo deseja utilizar o serviço.

Algumas empresas especializadas nesse tipo de serviço oferecem, em geral, as seguintes opções de planos:

  • 12 meses;
  • 18 meses; 
  • 24 meses;
  • 36 meses;
  • 48 meses.

Escolhido o período, o cliente deverá escolher o modelo de carro, dentre os disponíveis, e pronto! É só abastecer o tanque e rodar por aí.

Passado o período contratado, o cliente devolve o carro ou tem a opção de renovar a assinatura. 

Quais as vantagens

Dentre as vantagens estão poder usufruir do conforto de um carro zero, sem precisar entrar em um financiamento ou abrir mão de uma grande quantia em dinheiro de uma vez só. 

Além disso, o IPVA, Licenciamento, seguro e toda essa parte burocrática já está inclusa no preço da mensalidade. O que pode valer a pena, dependendo do objetivo e estilo de vida de quem assina o serviço.

Quais as desvantagens

Por outro lado, há desvantagens. 

Quando uma pessoa financia um carro, ao final das parcelas, o carro só tem os custos de manutenção, combustível, seguro e documentação. O veículo passa a ser de sua propriedade e pode ser usado quando necessário. 

Por outro lado, todo o dinheiro gasto com a mensalidade de um carro por assinatura não está sendo investido na compra de um carro próprio. Ou seja, o veículo só estará ao dispor do cliente enquanto houver uma assinatura ativa.

Para concluir, é preciso, antes de contratar esse tipo de serviço, ter em mente os seus objetivos, estilo de vida e orçamento disponível. 

Em situações ocasionais, como uma viagem longa ou uma mudança temporária de cidade, a contratação do serviço de carro por assinatura pode ser bastante vantajosa.

Como funciona o seguro auto Pay Per Use

Se você gostou da ideia de carro por assinatura, aqui vai mais um serviço inovador: seguro auto Pay Per Use. E a inovação começa logo no momento de contratar.

Quem já passou pelo processo de contratar um seguro de carro tradicional sabe o quanto pode ser burocrático. É um tal de assinar papelada, letras miúdas, diferentes prazos de carência e, ainda, prazo de fidelidade. 

Ou seja, pode ser qualquer coisa, menos prático.

O seguro auto Pay Per Use leva tudo isso em conta para oferecer exatamente o oposto: zero burocracia.  

COTAR SEGURO AUTO PAY PER USE

  • Primeiro: tudo é feito de forma online. Sim, 100% digital de verdade. Você não precisa ir a lugar nenhum de maneira presencial nem nada do tipo. 
  • Segundo: você paga um valor fixo e mais alguns centavos de acordo com o seu uso do carro. Ou seja, se não rodar, não paga.
  • Terceiro: não é preciso ficar horas pendurado no telefone aguardando um atendente quando precisar esclarecer uma dúvida ou acionar a assistência. Basta usar o aplicativo Thinkseg, direto do celular.

Como contratar o seguro auto Pay Per Use?

Para contratar siga os seguintes passos: 

  • Acesse o site da Thinkseg;
  • Faça uma simulação da mensalidade informando o seu CEP e valor do carro no formulário disponível na página inicial; 
  • E pronto.

Sim, talvez esse seja o menor passo a passo que você já viu, mas é porque é fácil mesmo. Após seguir esses passos, você verá na tela o valor da sua assinatura, que será, eventualmente, acrescido de mais alguns centavos proporcionais aos quilômetros rodados com o seu automóvel.

Justo como deve ser. 

Afinal, você não paga pela água e nem pela energia elétrica que não consome, por que pagar mais pelo seguro?